quarta-feira, 17 de julho de 2019

Nova carteira de identidade pode ter dados de outros 12 documentos


Um dos principais documentos dos brasileiros está diferente  (Foto Divulgação)

Um dos principais documentos dos brasileiros está diferente e muito mais completo.

A administradora Maristela Angélica de Rezende teve que tirar uma carteira de identidade nova e gostou de saber que é possível incluir dados de outros 12 documentos em apenas um: “Facilita muito carregar um documento só”.

Essa é uma das novidades do novo RG, que já é emitido em oito estados - Goiás, Mato Grosso, Acre, Maranhão, Ceará, Rio de Janeiro, Paraná e Rio Grande do Sul - e no Distrito Federal. O sistema deverá estar implantado em todo o país até março de 2020.

Entre os documentos que podem ser incluídos estão PIS-Pasep, carteira de motorista, CPF, Cadastro Nacional de Saúde, carteira de trabalho, identidade profissional e até tipo sanguíneo. Mas é preciso levar os documentos originais para a inclusão dessas informações.

O novo modelo também tem um QR Code, uma espécie de código de barras, na parte interna, que serve para garantir a autenticidade do documento.

“Padronizou-se a confecção da carteira: o material, o tamanho, onde é a localização da foto, da digital, assinatura, a confecção, os critérios de segurança que são inseridos nela”, diz Júlio da Silva, do Instituto de Identificação de Goiás.

A carteira de identidade antiga continua valendo. A emissão do novo modelo é só para quem precisa de uma segunda via ou vai tirar o documento pela primeira vez.

Aliás, adiar a confecção da primeira carteira de identidade pode trazer uma inesperada dor de cabeça. A apresentação do documento é obrigatória a partir dos 12 anos para quem vai viajar de ônibus e avião. (Assista Reportagem Completa Aqui!)

https://g1.globo.com/jornal-nacional/noticia/2019/07/15/nova-carteira-de-identidade-pode-ter-dados-de-outros-12-documentos.ghtml