Nutricau

Farmácia Victor

ST Cell

Farmácia Eliana

Farmácia Pró-Saúde

Farmácia Ubatã


Mix Papelaria

Mix


Ponto do Pastel

JB Atacadão e Varejo em Ubatã - BA

JB ATACADÃO & VAREJO 
Ovos de codorna, ovos de galinha e frutas! 
Cel: (73) 98892 – 2752 / 99143 – 3839 
Ubatã - BA

terça-feira, 16 de outubro de 2018

Banco do Brasil lidera ranking de reclamações contra instituições financeiras

Foto: Reprodução / EBC

O Banco do Brasil é a instituição financeira que registrou o maior número de reclamações terceiro trimestre deste ano, de acordo com o Banco Central. No período, o BC recebeu 1.590 queixas consideradas procedentes contra o banco público, sendo a maioria relacionada à “oferta ou prestação de informação a respeito de produtos e serviços de forma inadequada (178) e irregularidades relativas à integridade, confiabilidade, segurança, sigilo ou legitimidade das operações e serviços, exceto as relacionadas a cartão de crédito, cartão de débito, internet banking e ATM [terminais de autoatendimento]".

Para fazer o ranking, o BC divide as reclamações procedentes pelo número de clientes da instituição financeira que originou a demanda e multiplicadas por 1 milhão. Assim, é gerado um índice, que representa o número de reclamações da instituição financeira para cada grupo de 1 milhão de clientes. O resultado é, portanto, avaliado pela quantidade de clientes de cada instituição financeira.

Com esse cálculo, o Banco do Brasil ficou com índice 25,22. O conglomerado BB tem mais de 63 milhões de clientes. O segundo lugar no ranking é ocupado pelo Bradesco, com um total de 2.151 reclamações e índice 22,10. E em terceiro lugar aparece o Santander, com índice 22,10 e 933 reclamações.

De acordo com a Agência Brasil, no total, o Banco Central recebeu 9.878 reclamações contra todas instituições financeiras. A maioria das reclamações foram relacionadas a oferta ou prestação de informação a respeito de produtos e serviços de forma inadequada.

*Bahia Notícias

https://www.bahianoticias.com.br/noticia/227919-banco-do-brasil-lidera-ranking-de-reclamacoes-contra-instituicoes-financeiras.html