Nutricau


ABALA UBATÃ

Farmácia Eliana

Farmácia Pró-Saúde

Farmácia Ubatã


Farmácia Victor

Mix Papelaria

Mix


Ponto do Pastel

segunda-feira, 26 de março de 2018

Mãe tenta marcar exames para filha na BA e descobre que menina está ‘morta’ para SUS

Foto: Reprodução / Redes Sociais

Uma mãe de Teixeira de Freitas, no extremo sul da Bahia, tomou um susto quando foi marcar exames para a filha de 9 anos. De acordo com o cadastro no Sistema Único de Saúde (SUS), a criança estava morta. Fabrícia dos Santos Xavier levou a filha, Emelly Xavier Lima, até o posto de saúde do bairro João Mendonça para marcar exames de sangue, fezes, urina e hormônios, na última quinta-feira (22), mas não conseguiu. "O atendente que trabalha no posto informou que a minha filha estava morta e não conseguiu marcar [os exames]. Não sei o que aconteceu, porque até então achava que estava normal", reclamou a mãe ao G1. No registro do cartão do SUS de Emelly, a data de óbito coincide com a data de nascimento da criança: 3 de julho de 2008. Fabrícia tentou resolver o problema na Central de Regulação da cidade, mas conta que foi informada de que deveria ligar para o Ministério da Saúde. Até então, ela não conseguiu contato com a pasta pelo número indicado. De acordo com o Ministério da Saúde que, em nota, o erro foi cometido por um funcionário do Complexo Regulador de Saúde de Teixeira de Freitas, no ato do preenchimento dos dados do paciente. Ainda segundo o ministério, situações como essa podem ser corrigidas diretamente pelas unidades de saúde onde a informação inconsistente foi identificada (óbito indevido). "Nestes casos, qualquer operador vinculado ao estabelecimento de saúde (operador do CadSus) deve entrar em contato com a Central de Atendimento 136, opção 8, onde será orientado a encaminhar ofício digitalizado para que a situação seja regularizada.

https://www.bahianoticias.com.br/municipios/noticia/12686-mae-tenta-marcar-exames-para-filha-na-ba-e-descobre-que-menina-esta-morta-para-sus.html