segunda-feira, 7 de julho de 2014

Taxista é morto a pedradas em Maracás



O taxista Eutide Pires dos Santos (60) anos, popular Tide, provavelmente no início da noite deste sábado (05), foi sequestrado juntamente com sua esposa Rosália, por elementos não identificados até o momento, e levados até uma região denominada de Pirí, distante 18 Km da sede deste município de Maracás. Neste local o casal foi agredido a pedradas. O taxista não resistiu aos ferimentos e morreu no local, já sua esposa, conseguiu sobreviver e mesmo bastante ferida na cabeça se arrastou até a estrada, onde foi encontrada na manhã desta segunda-feira (07) por um morador da região. A Polícia Militar e o Samu que foram acionados e deram socorro a D. Rosa, conduzindo-a ao hospital Álvaro Bezerra, mas devido a gravidade dos ferimentos, já foi encaminhada ao Hospital Prado Valadares em Jequié. Uma equipe do IML esteve no local para realizar perícia e conduziu o corpo do taxista para Jequié a fim de fazer exames de praxe, com finalidade de encontrar alguma pista que chegue até os autores do bárbaro crime. O Táxi modelo Corsa Sedan, cor prata, placa policial MPB-7284, foi encontrado pelos militares no Loteamento Belo Horizonte, atrás do Posto Baraúna, em Maracás. As investigações estão sob responsabilidade da Delegacia de Polícia de Maracás. Informações do Blog Vandinho Maracás.(VER MAIS FOTOS)